Windows Live Messenger

segunda-feira, 15 de outubro de 2012








































.




A estratégia de poder do PT
Enviado por luisnassif, seg, 15/10/2012 - 08:20



Por Andre Araujo

Comentário ao post "A renovação do PT e o futuro do PSDB"

Muito boa questão. O PT renovado deve repensar a estrategia de poder. As escolhas de juizses do STF foi o mais grave erro na historia do PT, um erro cujo custo ainda não foi pago. O PT necessita criar um Birô Politico, um grupo pequeno e solido de cabeças pensantes para tomar decisões centrais ou deixará de ser um partido consistente e com rumo. Aceitar deicsões individuais de Lula e Dilma ditando o rumo do Partido será o fim do PT. Um partido é sempre um grupo pensante, não é uma só pessoa, nem Stalin dirigia o PCUS sozinho, ouvia e ouvia muito seus companheiros antes de decidir, tomava opiniões de todos os lados e depois liderava a decisão mas não governava por intuição genial isolada. seu grupo politico tinha obrigação de lhe fornecer continuamente opiniões e informações.

Quem escolheu esses juizses do STF e sob que critérios? Com base em que leadades e capacidades?

As escolhas não tem logica de Estado, não servem ao Brasil, foram quebra galhos de interesse palnqueiro, decisões de expediente para atender situações de momento, é um suicidio politico cometido pelo PT  trocar cargos quase vitalicios como moeda para resolver situações paroquiais.

Quem tomou essas decisões e fez essas escolhas demonstrou nenhuma cultura historica ou politica, fez jogo de porta de sindicato, não teve noção de estartegia de longo prazo. Um dos Ministros escolhidos não tem uma unica qualificação para o cargo, nem capacidade técnica, nem visão de Pais, nem ideologia e muito menos lealdade. nem boa imagem no meio juridico,  porque foi escolhido?

O PT tampouco acerta em operar um politica externa partidaria, desprezando os interesses do Estado brasileiro. O Paraguai foi desde Stroessner um Pais satélite do Brasil, o interesse do Estado brasileiro no Paraguai foi predominante desde a decada de 60, deslocando a Argentina, que desde a Guerra do Chaco tinha preponderancia no Paraguai. O Chanceler argentino Carlos Saavedra Lamas ganhou o Premio Nobel da Paz de 1936 ao defender o Paraguai na Guerra do Chaco, Buenos Aires dominava o Paraguai. Com Stroessner o Brasil passou a prevalecer, o Tratado de Itaipu selou a aliança.

Cinquenta anos de diplomacia foram jogados fora por um estupida decisão em Mendoza, onmde o Brasil ficou a roboque da Argentina e da venezuela, papel secundario e pifio, devidamente anotado nas Chancelarias dos grandes paises, reduzindo a percepção de importancia do Brasil. Os interesses do Brasil nunca estiveram com Lugo e sempre estiveram com o Partido Colorado, interesses de Estado e não do PT, os 350 mil brasileiros que vivem no Paraguai sentem-se protegidos com a atual situação e dompletamente desprotegidos com Lugo, nosso partido no Paraguai nunca foi Lugo e sim os Colorados, pois por questões ideologicas o Itamaraty jogou com o adversario do Brasil e contra os amigos do Brasil e pior ainda, contra os brasileiros nossos patricios que vivem no Paraguai e transforaram esse pobre Pais no 4º exportador de soja do mundo.

A mesma coisa na Bolivia, nossos interesses estrategicos estão com as provincias da Meia Lua,onde estão os amigos do Brasil e os brasileiros que vivem na Bolivia há cinco décadas, Santa Cruz de la Sierra e quase uma cidade brasileira, o gás está em Tajira, do nosso lado, são esses bolivianos os amigos do Brasil e não os indios do Altiplano, que não tem nada a ver conosco. Pois fizemos a aposta ao contrario, bancamos Morales contra nossos patricios e amigos da Meia Lula, uma polita anti-brasileira praticada pelo Itamaraty. Morales nunca ofereceu ao Brasil coisa alguma, só não nos tira o gás porque não tem como e para quem vender, não nos ofereceu as reservas de litio, ofereceu ao mundo inteiro, menos ao Brasil, detesta o brasil e faz o possivel para nos prejudicar, pois é esse que o Itamaraty apoia, nem sequer seu avião presidencial comprou no Brasil, comrpou modelo equivalente ao da Embraer, um Bombardier canadense, só para não fazer negocio com o Brasil.

Então o PT precisa decidir se pensa a longo prazo ou pensa só na proxima eleição. A conta do STF não é da midia, é do PT que escolheu quem se deixa dominar pela midia


Nenhum comentário:

Postar um comentário